Fatos interessantes no ambiente de trabalho no Canadá

trabalhoResolvi escrever um post sobre alguns fatos interessantes que já observei nesses últimos seis anos do ambiente de trabalho canadense. E quando eu estava escrevendo, fui compartilhar com o Cris e ele disse: “Eu também!” Então achamos que esse assunto merecia dois posts, pois cada um de nós tem suas experiências.

Os fatos descritos são  coisas subjetivas, que podem sim, variar de empresa pra empresa, então quero deixar claro que essa é a minha visão e experiência, nada aqui é regra. Algumas coisas são estranhas, outras engraçadas e outras comportamentos que deveriam ser adotados no Brasil e no resto do mundo. Depois que ler, você pode deixar seu recadinho dizendo o que mais gostou😉

  • PTO days – Personal Time Off ou Folga por motivos pessoais – Todo ser humano precisa de dias durante o ano para resolver alguns “pepinos” ou ficar na cama quando você não está se sentindo muito bem ou talvez ou ir ao cinema às 11 horas da manhã🙂. Brincadeiras à parte, além das minhas férias, tenho 5 PTO days durante o ano que posso usar quando eu quiser (e a chefe aprovar). Não precisa dar muita explicação, só avisar que estou de folga naquele dia e pronto!
  • Olhar a temperatura antes de sair e talvez trabalhar de casa – Já falamos sobre isso aqui, mas vale repetir. No inverno, tem dias que é dureza e até arriscado sair de casa, principalmente se tiver acontecido uma tempestade de neve na noite anterior. O trânsito fica um caos, algumas coisas literalmente congelam (tipo, os trilhos do trem) e a maioria das escolas cancelam as aulas. A saída para evitar maiores transtornos é você trabalhar de casa. Portanto, cheque a temperatura e os noticiários antes de sair de casa em dias de inverno!
  • Não precisar de atestado médico quando se está doente – outro dia de folga que tem nome especial: Sick day. Se você não está se sentindo bem naquele dia, você liga pro chefe e avisa que vai tirar Sick Day. Na maioria das empresas, ou você tem PTO days ou Sick Days. É mamata demais se tiver os dois!!
  • Gripe/resfriado – Se a pessoa estiver gripada, não se cumprimenta com aperto de mão ou beijos e evita participar de reuniões em ambientes fechados além de usar o hand sanitizer (álcool em gel) o tempo todo. Tem até regra sobre como espirrar!! Hahahahaha!!!! Você deve sempre espirrar cobrindo sua boca com seu antebraço, que na maioria das vezes está coberto com a manga comprida da blusa, para que o vírus morra no tecido da roupa evitando assim que ele se espalhe. Acho hilário, mas faz sentido – não muito no Brasil, onde mangas compridas são raridade de se usar!
  • Vestuário – 1) Uniformes não são comuns por aqui. Garçons por exemplo, muitas vezes se vestem apenas de preto.
    2) Existe tipos de roupas e cores pra cada estação. No inverno, o preto e o cinza dominam nas ruas e nas empresas. Você até ganha um elogio se usa amarelo-ovo, por exemplo. Mas eu acho que o elogio é falso…rs.
    3) Nos escritórios, a regra é sempre de casaquinho/blazer/terninho e sapatos fechados. Quase ‘morro’ de não poder usar minhas lindas sandálias brasileiras para trabalhar…
    4) Sexta-feira é Jeans day. Nas empresas que o uso de roupas sociais é obrigatório, em algumas sextas-feiras do mês eles abrem exceção e você pode ir trabalhar de calça jeans.
  • Morar perto do trabalho – é quase que mandatário pro canadense, porém com o aumento absurdo dos preços de imóveis, cada vez mais as pessoas estão morando mais afastadas dos grandes centros e com isso o número de carros na rua só aumentando. Quando comento que gasto uma hora e meia pra chegar em casa as pessoas acham um absurdo (P.S. Eu também acho, mas me lembro que isso é bem comum na terra brazilis… Ou pior…)
  • Pay day – o pagamento do salário é a cada duas semanas ou às vezes, toda semana. Então, você tem um “faz-me rir” quinzenalmente.
  • Serviços bancários – Usa-se muito cheque para pagar as coisas e pode demorar até 30 dias para o cheque cair na sua conta. A demora também é válida pra DOCs, transferências entre contas. Enquanto no Brasil basta um clique e o dinheiro é transferido, aqui você tem que aguardar muitos dias. Tem outras formas de pagamento mais rápidas, mas ainda não são populares quanto essas aí.
  • Fac-símile – O velho aparelho de fax ainda é muito usado para transmitir informações como: dados de cartão de crédito, inscrições em eventos, reservas, etc. Em alguns lugares, isso já virou peça de museu, mas aqui se acha nas mesas dos escritórios.
  • Materiais de escritório – esses são descartados facilmente, basta apenas alguém não estar utilizando-os por algum tempo e eles vão direto para o lixo. Isso em alguns lugares. Em outras empresas usam objetos e computadores do arco da velha…afff!! Me irrita a contradição!
  • Limpeza do escritório – fica muito a desejar, além do quê, você é quem limpa sua própria mesa de trabalho. Não tem aquela faxineira duas ou três vezes por semana. Nós brasileiros temos a fama de sermos chatos com limpeza e pra falar a verdade, gosto da fama. Tento manter meu espaço de trabalho o mais limpo possível, mas não tem como eu levar o aspirador lá de casa pro trabalho, né?!?
  • Ouvir conversas dos outros e dar palpites – acho isso super engraçado. O famoso ‘ficar de orelhas em pé’. É como se você estivesse sendo vigiado o tempo todo, seus colegas de trabalho ouvem tudo que você fala no telefone ou com o outro colega – e depois dão palpite na conversa se lhes for conveniente…rs. Por outro lado, eu sou meio “avoada”; às vezes as pessoas estão batendo papo perto da minha mesa, mas como eu não fui convidada para o assunto, fico na minha e não fico prestando atenção (algumas vezes sim, confesso…hehehehe) e aí de repente surge uma pergunta direcionada à mim e eu fico ‘boiando’ e preciso perguntar do que eles estavam falando…
  • Parabéns super tedioso – enquanto no Brasil a gente quase solta fogos de artifício quando é aniversário de alguém e contrata salgadinhos, compra presente, bolo e etc, aqui se limita em um cartão comprado aleatoriamente que todos assinam e se canta uma “Parabéns pra você” que dá vontade de chorar de tão triste que é. Não tem palmas, não tem “Com quem será” e é sempre num tom de voz baixo e suave, quase que uma música clássica para ninar um bebê.
  • Sem treinamento quando contratados – me lembro de treinar muita gente quando era contratado pela empresa quando eu trabalhava no Brasil. Eram horas, dias de treinamento e a pessoa ficava me acompanhando durante esse tempo até estar apta para colocar a mão na massa. Aqui parece que tem menos funcionários e muito trabalho, ou seja, te vira! Ninguém tem muito tempo pra te treinar. E muitos dos treinamentos são online, já gravados quando se trata de empresas grandes. O segredo é: self-training. O famoso vivendo e aprendendo…
  • Campanhas beneficentes- se participa de diversas campanhas pra arrecadar dinheiro para entidades. Eles são bem criativos nisso e inventam várias ações no decorrer do ano para você se engajar e poder contribuir: tem a sexta-feira do jeans, tem rifas, bingos, venda de cookies no dia dos namorados ou natal, etc. No final do mês ou do ano, ajunta-se o valor arrecadado durante aquele período e envia para a instituição escolhida. Amo isso!
  • Entrega do contra-cheque – se ele ainda for do tipo físico e não online, é entregue pelo chefe a cada funcionário subordinado a ele e o chefe sempre agradece pelo seu trabalho no momento da entrega.

Tenho certeza que muitos desses fatos acontecem também em empresas brasileiras, mas eu nunca tive a oportunidade de vivencia-los enquanto morava/ trabalhava no Brasil. Agora, uma coisa é certa: o “Parabéns quase morrendo” eu tenho certeza que não acontece em lugar nenhum do Brasil!!!! Nós somos muuuito animados!!!

Esta entrada foi publicada em Trabalho. ligação permanente.

4 respostas a Fatos interessantes no ambiente de trabalho no Canadá

  1. Amanda diz:

    Adorei as observações! Aliás, como gringo o que a gente mais faz é observar. Muitos desses fatos são comuns na França tbm, principalmente o “Parabéns quase morrendo”. E vc esqueceu de dizer que a musiquinha so tem uma frase, enquanto no Brasil… Acho que isso deve ser característico do hemisfério norte.

  2. Márcio Leandro diz:

    Achei interessante os parabéns do chefe na hora da entrega do contra-cheque. Aqui (Brasil)vc recebe o contra-cheque, não pelo chefe, e ainda escuta umas piadinhas, tipo… ” Fez nada esse mês ainda recebe pagto” (no mês que você mais trabalhou)….”agradece a empresa por vc está empregado”…é mole!!!! kkkkk

  3. Damile diz:

    “Acho hilário, mas faz sentido – não muito no Brasil, onde mangas compridas são raridade de se usar!”
    Aqui em Curitiba usamos muita blusa =P
    E como trabalho em uma empresa Americana muito preocupada com segurança, aprendi a espirrar desse jeito desde que a H1N1 ficou famosa hehehehe

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s