As Brasileiras

Antes do mês de março – Mês das Mulheres – acabar, preciso deixar aqui registrado meu depoimento sobre duas grandes mulheres que admiro muito, que por sinal uma delas comemora seu aniversário neste mês.

Duas muito diferentes, mas com os mesmos desejos ardentes no peito: obedecer à Deus, fazer o bem aos outros e proporcionar o que puderem para ver os filhos felizes. Esses tem sidos os objetivos incansáveis dessas duas mulheres guerreiras e determinadas. Uma, já é avó (e vai ser de novo!! mas isso é assunto pra outro post) e a outra está doida para ser avó, se bem que esta ainda desfruta da experiência de ser mãe de uma criança de 10 anos … A que é avó, faz questão de manter os cabelos pintados, a outra, quer tanto ter a imagem de avó que abandonou de vez a Henna e está até deixando os cabelos grisalhos. As duas amam estar na água e não perdem uma de suas aulas, quer seja de hidroginástica, quer seja de natação, mas para mim, as aulas são meramente um pretexto para um bate papo entre amigas e uma terapia em grupo – algum problema? Nenhum! Uma, obstinada e digamos, teimosa, entrou na faculdade aos 17 anos, escondida do pai e quando se formou já estava esperando o terceiro filho, a outra, também teimosa (rs), aprendeu belas lições na faculdade da vida, enquanto carregava lenha na cabeça. Ambas muito trabalhadoras e dedicadas, fizeram o que pudiam e o que não pudiam para ajudarem nas contas da casa: vendia roupas, cuidava de idosos, cortava cabelos, ouvia pessoas em seu consultório… Para economizar, vendia vales-transporte e caminhava por 1 hora uma parte do caminho entre a casa e o trabalho. A outra, ficava em pé por horas a fio no seu salão. Ensinaram seus filhos a serem honestos e também a lutarem por seus direitos. Descobri que ambas faziam os filhos voltarem na padaria se o atendente tivesse fatiado a mussarela ‘igual a cara deles’, mas também ensinavam a voltar lá quando o caixa havia dado troco a mais e os fazia devolver a diferença. As duas sempre foram femininas com um toque moderado de vaidade, uma não sai sem um lápis ‘crayon’ nos olhos e um batom na boca, a outra sem passar seus cremes anti-rugas. Mas se precisar também, pegam na enxada: uma é excelente mestre de obras – coordena construção de casas e prédios por conta própria -, a outra dirige de dá inveja em muito marmanjo – adora procurar as vagas mais difíceis para estacionar. Adoram viajar e os filhos aprenderam a gostar também. Todo ano, tinha que ter uma viagem nas férias, nem que fosse pra uma cidade à 30km, mas tinha que viajar, com o orçamento apertado e o carro também; mas a alegria e as memórias de cada viagem ainda são indescritíveis. Ambas, servas do Senhor, sensíveis à voz de Deus.

Duas mulheres que com certeza podiam ir no quadro do Fantástico “O que vi da vida” e as pessoas iam se emocionar em ver tamanha garra, disposição e humildade.

D. Neide, minha sogra, sou privilegiada em fazer parte dessa família e a admiro muito. A senhora é um exemplo para nós.

Mãe, sem comentários…. acho que você tem coleção de recadinhos e cartões meus dizendo que você é minha heroína, e não me canso de dizer isso. Me faltam palavras para expressar minha admiração por você. Te amo e sinto muito sua falta aqui pertinho. Um parabéns especial neste mês que é seu aniversário.

Obrigada por existirem, e podem ter certeza que toda a luta não foi em vão!

Esta entrada foi publicada em Familia. ligação permanente.

3 respostas a As Brasileiras

  1. Fabio diz:

    Aline, sensacional a homenagem!

  2. Rosangela diz:

    Não sei o que dizer. Como não li isto antes???? Nada que registrou é mentira, faria tudo de novo, só que agora com a maturidade, seria menos rígida, (A Luísa pegou esta melhor parte). Quando olho para vocês vejo que mereciam muito mais, mas dei o que tinha de melhor na ocasião. O resultado é abenção Senhor sobre cada um. Filhos incomparáveis com tudo que já vi. Deus tem sido seu guia, continue assim. Daqui estamos sempre orando e apreciando o que Deus tem permitido a vocês. Aproveitem este mês que é de aniversários. Quanto aos netos, saberei esperar o momento de vocês.Te amo minha filha.

  3. Marcia diz:

    Gente… li o post atrasada, Fiquei emocionada🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s