Vizinhos

Fui criado em uma rua onde praticamente todos os vizinhos tinham um relacionamento bem saudável e amigável. Tanto os pais quanto as crianças estavam sempre juntas. Tenho tanta recordação boa da minha infância naquela vizinhança, que quando resolvi falar sobre este assunto aqui até tive um momento nostalgia. Meus grandes amigos de infância eram todos daquela vizinhança, que aliás meus pais ainda moram até hoje e adoram.

Neighbors

Desde que nos mudamos para o Canada, ainda não tínhamos tido aquele contato mais próximo com nossos vizinhos. As relações se limitavam a um hi, how are you? E nada mais. Mas quando compramos nossa casa no meio do ano passado, resolvemos que gostaríamos de mudar isto e nos aproximar dos nossos vizinhos.

Deus tem sido tão bom conosco que nos deu vizinhos ótimos. O vizinho da direita é um senhor que mora sozinho e é super prestativo. Nossa garagem fica parede com parede com a garagem dele e ele é tao simpático e prestativo que sempre limpa a parte da frente da nossa garagem quando temos tempestade de neve ou no outono quando fica tudo cheio de folhas das árvores. Ele está sempre com um sorriso no rosto e volta e meia batemos um papinho gostoso. No natal levamos pão de queijo e uns chocolates para ele e um cartão para agradecer a ótima recepção e ajuda com a neve/folhas. E não é que dias depois ele foi lá em casa nos levar uma caixa de chocolate também :-)

Os vizinhos da esquerda são uma família de indianos com 2 filhos também nota 10. Uma vez avisei para ele que iríamos viajar e ele disse que ficaria de olho na nossa casa e que iria recolher o jornal que jogam na nossa porta para ninguém perceber que não estávamos em casa. Ele está sempre nos convidando para tomar um chá (ainda não fomos, mas disse para minha esposa que vamos um dia lá e também vamos chamá-los para um jantar na nossa casa). No começo ele sempre me dava dicas de onde comprar as coisas na vizinhança e os filhos são super educados e adoram bater um papo também.

Minha mãe sempre me disse que os vizinhos são os parentes mais próximos nas horas de emergência e que é sempre importante ter uma relação saudável com eles. Então nesta primavera/verão, queremos expandir ainda mais nosso relacionamento com os nossos vizinhos. Já inclusive fomos apresentados também para os vizinhos latinos da rua e queremos conhece-los melhor.

E você? tem um bom relacionamento com seu vizinho?

 

Categories: Casa, Diversos, Mississauga | Deixe o seu comentário

Cozumel – México

No final do ano passado, resolvemos dar uma escapada e curtir uma praia para fugir um pouco do inverno daqui. Após fazer algumas pesquisas online, decidimos ir para uma região do México que tínhamos gostado bastante – a península de Iucatã.

Já tínhamos visitado a região em 2012, mas desta vez resolvemos ficar na ilha de Cozumel.

Cozumel é uma pequena ilha que fica localizada a 20 kms de distância de Playa del Carmen (45 minutos de ferry) e 75 kms de Cancún. Apesar de bem pequena, a ilha possui um aeroporto internacional, e nosso voo foi direto entre Toronto-Cozumel (super conveniente). A ilha possui cerca de 90 mil habitantes e a rodovia que circula a ilha tem uns 62 kms de extensão. A ilha é super famosa entre os mergulhadores, pois ao sul da ilha fica localizado a segunda maior barreira de corais do mundo (perdendo somente para a australiana). Andando pela ilha você verá a enorme quantidade de empresas especializadas em mergulho.

A ilha não possui tanta opção de resorts como na Riviera Maya, mas mesmo assim não foi fácil decidir em qual ficar. Optamos pelo Parc Royal Cozumel (super indicação dos meus primos que tinham hospedado meses antes). O resort é bem pequeno, porém bastante aconchegante. É o tipo de resort que nos primeiros dias você já reconhece todo o pessoal que trabalha (alguns até começaram a me chamar pelo nome…rsrsrs). São somente 2 restaurantes a la carte e 1 buffet. Você tem a opção de jantar nos a la carte todos os dias, basta fazer a reserva até 3pm da tarde do mesmo dia (super tranquilo). Não tivemos do que reclamar com a comida e serviço em nenhum dos restaurantes. Ainda mais arrastando meu espanhol, sempre éramos super bem tratados (éramos os brasileños-canadienses rsrs).

Parc Royal Cozumel

Parc Royal Cozumel

A praia do resort é literalmente um ovo, então se você está buscando uma praia enorme para fazer caminhada na areia, este não é o seu resort. Fazíamos nossa caminhada no calçadão e íamos ate o centro da cidade (uns 2kms) para fazer alguma comprinha, tomar um sorvete ou café. O hotel não possui wifi gratuito, então íamos ao Starbucks do centro para estarmos conectados com o mundo.

Praia do resort, ao fundo tem uma área demarcada para snorkel

Praia do resort, ao fundo tem uma área demarcada para snorkel

Shopping  à 2km onde tem Starbucks, Hard Rock Cafe e lojinhas de souveniers

Shopping à 2km onde tem Starbucks, Hard Rock Cafe e lojinhas de souveniers

O que fizemos por lá:

Muita gente deve querer bater na gente, mas não fizemos nenhum mergulho durante nossos 7 dias de estadia. Fizemos snorkel quase todos os dias, mas mergulho de cilindro continua na nossa wish list. Fora do resort fizemos somente 2 dias de passeio. Os outros 5 dias foram dedicados a curtir o resort mesmo (alias pagamos para isto):

Explorando a ilha: Alugamos um carro ($50) e tiramos um dia inteiro para dar uma volta completa na ilha e explorando diferentes lugares por nossa conta (paramos em algumas praias e também visitamos o Parque Punta Sur).

IMG_0173 IMG_0190

Parque Punta Sur

Parque Punta Sur

Xcaret: Tiramos um dia inteiro para irmos conhecer o Xcaret (parque que reune diversas atividades como nadar com os golfinhos, piscinas naturais, praia, cenotes, rios para fazer snorkel, etc..). Saímos bem cedo de Cozumel, pegamos o ferry ate Playa Del Carmen e de lá uma van nos levou ate a entrada do parque. O parquet é enorme e um dia não será suficiente para conhecer tudo, portanto selecione o que realmente gostaria de fazer antes mesmo de chegar por lá.

Viagem Cozumel Dez 2013 Viagem Cozumel Dez 20131

DSC04104 DSC04105

DSC04124 DSC04167

E para fechar o dia no Xcaret, eles apresentam um espetáculo em uma arena para ate 6 mil pessoas. Tudo muito organizado e bem feito.

IMG_0317 IMG_0381 IMG_0400

Categories: Viagens | Deixe o seu comentário

Aniversário Igreja Vida Nova

Convite muito especial: Neste final de semana, estaremos comemorando o aniversário da nossa igreja aqui em Toronto e teremos a presença super especial do Pr. Hernandes Dias Lopes.

Venha nos visitar na 2365 St. Clair Ave. West, Toronto.

Dias 14 e 15 de Fevereiro o culto começará as 8pm e no dia 16 as 6pm.

Se voce nao conhece o Pr Hernandes Dias Lopes, de uma olhada no site dele.

 

ptslide2

 

 

Categories: Igreja | Deixe o seu comentário

Visitas e inverno 2014

Já estamos quase no final de Janeiro e realmente este inverno de 2013/2014 não tem sido moleza. Com certeza, o nosso pior inverno desde nossa chegada em 2009. Será porque agora somos canadenses estamos sendo testados!?!?!…kkkkk… Tá difícil passar neste teste :-(

Mas vamos falar de coisas boas, pois tivemos a grata visita dos familiares da Aline conosco no Natal e Ano Novo. Abre um parênteses (Apesar de que depois do que eles viram e passaram por aqui, acho difícil quererem voltar nesta época do ano) :-( Mas quem disse que o frio e a neve nos impediu de fazer os passeios que programamos!?! Nos aventuramos em bastante coisa:

2 dias em Ottawa – Foi nossa segunda visita a Ottawa e a primeira no inverno. Andamos bem menos do que na primeira vez, pois realmente estava difícil ficar exposto ao frio + vento + neve. Visitamos o parlamento (infelizmente a peace tower estava fechada devido a um problema no elevador) e fomos ao museu da civilização e museu da guerra (ambos de graça, pois utilizamos nosso CAP pass, dois a menos do nosso to visit list). Ficamos hospedados no mesmo hotel da nossa lua de mel (Four Points By Sheraton), localização super conveniente (em frente ao museu da civilização).

Parlamento

Parlamento

Snowmobile em Orillia – Já tínhamos feito snowmobile antes, mas não durante 1 hora e meia seguida e em uma trilha própria para a atividade. Confesso que no dia anterior eu me perguntei se realmente deveria levar nossos visitantes neste passeio, pois a previsão era de muito frio. Quando chegamos no local do passeio, o cronômetro do meu carro marcava -29 graus. Todo mundo estava super agasalhado, mas ficar 1 hora e meia exposto aquela temperatuda me deixou preocupado. E não é que todo mundo curtiu o passeio e nem reclamaram tanto do frio (acho que a adrenalina da aventura esquentou a galera).

Olha a felicidade da sogrinha :-)

Olha a felicidade da sogrinha :-)

 

IMG_0440

Blue Mountain – Mais um dia de temperaturas beirando o -30 graus e na programação estava Blue Mountain. Fizemos um bate-volta e nosso objetivo era passear na vila, fazer alguns passeios e curtir uma piscininha aquecida.

DSC04270

Plunge!

Plunge!

Ridge Runner Mountain Coaster

Ridge Runner Mountain Coaster

Boxing day – Foi a primeira vez que fomos fazer compras no boxing day (26 de dezembro) e espero ser a última. Fomos ao Vaugh Mills Mall e nunca vi tanta gente reunida em um shopping. O que era aquilo!?!? Já não sou muito fã de shopping, no boxing day então, minha paciência foi testada ao seu último nível. Os preços realmente estavam muito bons, mas a grande maioria dos preços continuam no boxing week, então não acho que vale a pena o stress (pode até ser que o que você queira fique sold out, mas paciência. Pode ter certeza que outra promoção virá)

Aquário de Toronto – Estávamos esperando as primeiras visitas do Brasil chegarem, para podermos ir conhecer a “nova” atração da cidade. Achei o aquário bem legal, mas o preço está bem salgado na minha opinião (CAD$30.00) e por ser uma nova atração, se programe, pois provavelmente estará bem cheio quando for visitar (pelo menos nas férias de final de ano estava e pior ainda no final de semana). Mas para quem curte visitar um aquário, eu recomendo a visita.

DSC_0231

IMG_0672

NBA – A Aline nunca gostou de basquete e nunca topou ir comigo em um jogo da NBA, mas ai aproveitei uma promoção do Groupon e a companhia do meu sogro e cunhado para fazermos uma noite do clube do bolinha no Air Canada Centre. E não é que demos sorte para o Toronto Raptors :-)

IMG_0300

 

IMG_0303

Agora nossa oração é para que venha a primavera ASAP, PLEASE!!!!

 

Categories: Diversão, Familia, Viagens | Deixe o seu comentário

2013

Mais um Dezembro e com ele o fim de um ano bastante corrido. Como o tempo tem passado depressa. 2013 foi um ano de muitas mudanças e bençãos na nossa vida aqui no Canadá (e claro de muitas lutas, desafios). 

Em 2013 eu mudei de emprego e a Aline se firmou ainda mais na área de atuação dela. Mudamos para nossa casa própria, fomos ao Brasil bem rapidinho para o casamento do André e Maria Paula, nos tornamos cidadãos Canadenses. Posso dizer que foi um ano cheio de bençãos e trabalho na nossa Igreja também. Ajudamos na liderança de 2 grupos de Casados para Sempre, um curso abençoado que nossa igreja acreditou e tem investido na vida dos casais. Foi um ano em que o verão foi repleto de pequenas viagens e também o ano que meu pai passou 2 meses conosco estudando inglês.

Primavera 2013

Primavera 2013

Inverno 2013

Inverno 2013

Verão 2013

Verão 2013

Realmente não podemos reclamar de nada. Somente agradecer, pois o Senhor tem sido misericordioso com as nossas vidas. 2014 já está repleto de sonhos, projetos, planos e desejos. Colocamos todos sempre nas mãos do Senhor e temos a certeza de que o melhor ainda está por vir.

Agora é curtir nossas férias e a família que já está chegando para passar o final de ano conosco :-)

Feliz Natal e até 2014!!!

 

Categories: Retrospectiva, Sentimentos | 2 Comentários

Viagens para o Caribe

O Canada pode até não ter praias maravilhosas durante o ano inteiro e no verão nos contentamos com o lago Ontário ou outro lago na região para curtir o solzinho, mas se tem uma coisa bem acessível por aqui são os pacotes de viagens para qualquer lugar do Caribe. Seja em um orçamento apertado ou mais folgado, dar uma escapadinha para Cuba, México, República Domincana, Bahamas, etc.. está ao alcance da grande maioria por aqui. Em média, por CAD$1.000,00 você pode ir tranquilamente para um dos países que citei incluindo todo o custo de passagem aérea, traslado, resort 4 estrelas e todas as refeições inclusas (isto mesmo, TUDO INCLUSO). E dependendo da época do ano, pode ser ainda mais barato (hurricane season rsrsrs).

Viagem a Cuba em 2010

Viagem a Cuba em 2010

Estas viagens são ideais para quem busca relaxar e curtir sol, sobra e agua fresca. E se quiser, ainda pode aproveitar e conhecer um pouquinho da regiao que está visitando. Estando por lá, você pode pegar uma das excursões diárias e ir conhecer algum lugar próximo ou se você é dos que nao gostam de excursão com horários definidos, pode fazer seu próprio roteiro e se aventurar pelo pais.

Nos aventurando por Cuba..

Nos aventurando por Cuba..

DSC00940

Aventuras pelo México

O site que mais utilizo para pesquisar preços e destinos e que acho mais fácil de navegação é o www.tripcentral.ca. Outros que também uso para comparar preço e ver outras opções sao www.itravel2000.com e o www.flightcentre.ca. Se você não gosta de fazer compras via web, existem lojas da Flight Centre em vários lugares da cidade também.

A grande questão é que a maioria dos destinos tem tanta opção de resort que fica difícil na hora de escolher para qual ir. Gosto bastante de pedir indicação para amigos e também gosto de ler os comentarios que as pessoas postam no tripadvisor. Lembre-se de sempre ponderar nos comentários, pois tem muito viajante exigente demais ou muito sem noção, mas se tem 10 pessoas falando a mesma coisa, fique atento. Outra opção é ir para as grandes redes de resort. Melia, Grand Bahia Principe, Iberiostar etc…

Nós já nos aventuramos por 1 destino em Cuba e 1 destino no México. Agora em dezembro estamos indo para nosso 2 destino no México (depois venho aqui compartilhar), mas confesso que on-line eu já me aventurei por quase todos os destinos e já tenho minha listinha de quais serão os próximos…rsrsrs…

Que venham muitas férias para contemplarmos estes paraisos pelo mar do Caribe.

Categories: Coisas que gosto de fazer, Diversão, Viagens | Deixe o seu comentário

Cultural Access Pass – CAP

Uma coisa bem legal que o governo canadense proporciona para os novos cidadãos é o Cultural Access Pass – CAP (Passe para acesso cultural). A partir da data da sua cerimônia de cidadania, voce terá o direito, por um ano, ao acesso gratuito a mais de 1,000 atrações culturais no país inteiro (museus, galerias, parques, e 50% de desconto em uma viagem de trem da Via Rail).

CAP
Todos os detalhes e informações sobre o CAP podem ser accessados em um site especialmente dedicado ao programa (clique aqui). É muita atração disponível e esperamos poder visitar o máximo de atrações possíveis. Um ano parece ser muito tempo, mas com tanta opção, vamos ter que fazer uma seleção do que visitar. 

Fica a dica para os futuros canadenses. 

Categories: Diversão, Diversos | 1 Comentário

Mississauga

A maioria dos brasileiros nunca nem ouviram falar sobre a cidade de Mississauga (a cidade que vivemos aqui no Canadá), mas ela é uma das principais cidades do país.

Torres absolute em Mississauga (inspirada nas curvas de Marilyn Monrow)

Torres absolute em Mississauga (inspirada nas curvas de Marilyn Monrow)

 

Vamos à alguns fatos: Mississauga é a 6 maior cidade do Canadá com aproximadamente 750.000 habitantes e a 2ª maior da província de Ontario, perdendo somente para Toronto. Sua localizacao é bem estratégica e as vezes é difícil saber onde Mississauga acaba e onde as outras cidades ao redor começam (Toronto, Brampton, Oakville, Milton). Estas cidades fazem parte das 25 que constituem a famosa GTA (Great Toronto Area), grande Toronto.

Apesar de Mississauga já ser uma cidade bem grande (para os padrões canadenses rsrsrs), na minha opinião, ela ainda tem um ar de interior. Ela é um dos subúrbios do grande centro de Toronto e uma ótima opção se voce está procurando um lugar um pouco mais tranquilo para viver, mas ainda perdo de uma grande metrópole. O trânsito não é tão caótico como em Toronto, apesar de que em certos pontos ja está ficando complicado nos horários de pico.

Os bairros ou regiões de Mississauga

Os bairros ou regiões de Mississauga

Um dos “charmes” ou curiosidade da cidade é a sua prefeita. Hazel McCallion está no cargo desde 1978 (35 anos) e ela tem 92 anos de idade (incrível ne)… E se vocês virem ela fazer um discurso (eu já vi), verão como ela nao é mole nao…rsrsrs….

Vou tentar fazer alguns posts com dicas sobre a cidade e pontos a se visitar.

Ótima semana para todos!!!

Ah, e para quem está na GTA, Terça-feira teremos o jogo do Brasil e Chile de futebol e não podemos perder a oportunidade de ir prestigiar a seleção verde amarela.

 

Categories: Mississauga | 2 Comentários

Quanto mais canadense eu me torno, mais brasileira me sinto

Juramento

Juramento

Hoje juramos à Rainha. Sim, muito, muito felizes. Um grande sonho realizado e um dos nossos objetivos conquistado. Um trajeto que não podemos dizer que foi tãoooo longo; até achávamos que demoraria mais tempo.

A cerimônia foi legal e organizada (bem canadense…rs). O juiz nos surpreendeu com um estilo bem humorado e descontraído, mas dando a importância merecida para esse momento tão sublime. Pra começar, o juiz é um imigrante da Polônia! E isso é uma das coisas que mais admiro nesse país: o multiculturalismo. Essa palavra significa muito mais que muitas raças juntas; significa pessoas de opiniões e crenças diferentes (e até opostas) que se respeitam e assim constroem uma comunidade forte e saudável. Imagine que salada divertida: a seriedade de um russo, junto com a espontaneidade de um jamaicano, misturada com a delicadeza de um chinês e uma pitada de curry do indiano. Pronto! Acabo de definir o Canadá.

A certidão

A certidão

Voltando ao assunto do juiz, ele nos contou um pouco da sua história desde sua chegada aqui em 1983. Nada diferente da maioria dos imigrantes. Sem muita grana, um inglês bem fraco e um monte de diplomas nas costas, acabou começando sua carreira como motorista de taxi. Depois de muito esforço e dedicação, 30 anos depois ele é juiz e tem a honra de proferir cidadania a imigrantes como ele. História bacana, né? E bem inspiradora também. E é exatamente isso que espero do país: oportunidades. Eu dou o melhor de mim e em contrapartida o país me dá o melhor dele. Simples assim. Quanto mais eu dou, mais eu ganho.

Hino

Hino

Voltando à cerimônia e ao juiz de novo, tudo durou cerca de duas horas. Confere documentos, o juiz faz pequenos discursos, faz o juramento, entrega-se a certidão de cidadania, fotos, canta-se o hino e mais fotos. O juiz super disponível e brincalhão tirou fotos com todos os novos cidadãos.

DSC03864

Assim, saímos de lá com um papel timbrado com nosso nome e um brasão dourado, carta de “boas-vindas ao time” e assinatura do Primeiro Ministro e com uma frase no coração: Se tornar cidadão de uma nova pátria é como um casamento. Você escolhe seu noivo e se casa com ele, mas nunca deixa de amar sua mãe. Frase do Ministro de Alberta, citada pelo juiz hoje.

E assim termino o meu post. Tendo a certeza que meu amor pelo Brasil cresce a cada dia mais, mas que hoje, resolvi me casar com o Canadá :) . Se esse amor é para sempre?!? Bem, isso vai depender se nós dois vamos querer que seja (eu e o país)

Yess!! Ouiii!!

Yess!! Ouiii!!

“Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.”

Categories: Processo, Sentimentos | 17 Comentários

Teste para Cidadania Canadense

Esta semana tivemos uma grata surpresa. Quando menos esperávamos, recebemos a carta do governo nos convocando para fazer o teste da cidadania canadense e conferência dos nossos documentos. Como comentamos aqui no blog anteriormente, aplicamos para a cidadania em Janeiro e pensamos que somente seríamos chamados para fazer a prova no ano que vem, mas para nossa alegria :-), eles nos convocaram “antes” do esperado (pelo menos antes do que nós esperávamos..rsrsrsrs).

É claro que nem tudo são flores e como não estávamos esperando esta convocação por agora, não tínhamos estudado práticamente NADA :-0 e para “piorar”, eu abri a carta no domingo dia 20 de outubro e a data da prova era 23 de outubro… Isto mesmo, nos restavam somente 3 dias para estudar (NO PANIC kkkkkk). 

passport

Pelo que lia na internet e conversando com amigos, geralmente eles mandam a carta com pelo menos 2 semanas de antecedência da data do exame, mas este não foi o nosso caso. À principio pensamos em ligar e adiar a prova (o que parece ser uma opção), mas pensamos bem e resolvemos que iríamos estudar intensamente nestes 3 dias e fazer a prova no dia programado. No domingo mesmo, depois que abri a carta, já devorei o livro e comecei a fazer diversos testes simulados online e vi que apesar de ser muito conteúdo, não era tão difícil assim. Estudar sobre o país que você escolheu morar é prazeiroso e não foi nada tedioso. Depois vou fazer um post com algumas descobertas que fizemos quando estávamos estudando.

E como é o teste?
São 20 perguntas na prova e você tem que acertar 15 (75%) para ser aprovado. Você tem 30 minutos para fazer (tempo mais do que suficiente). O conteudo é o que está no discover canada book que eles te mandam junto com a confirmação de que seu processo de cidadania foi aberto. 

E como é o processo no dia da prova? 
Na carta que o escritório de imigração envia, como sempre, eles são bem claros e detalhistas. Eles já avisam que o processo pode durar umas 4 horas (no nosso caso foram quase 3 horas ao todo). Não adianta chegar muito cedo, mas recomendo chegar uns 15 minutinhos antes. Eles colocarão todo mundo que fará a prova em uma sala grande e chamarão um por um para conferir os documentos e atualizar alguma coisa se tiver mudado (emprego, telefone, endereço, etc). Este processo dura somente uns 10-15 minutos, mas você precisa esperar que todo mundo da sala seja verificado para que todos começem a prova juntos (super justo, mas é ai que está a demora. Aproveitamos para fazer uma revisão final e relaxar).

Quando a conferência de todos terminar, eles explicarão como o teste funciona e os 30 minutos começam a contar. Tiveram candidatos que não gastaram nem 10 minutos para terminar a prova. Realmente o teste é bem tranquilo para quem estudou e fez os simulados online.

Para nossa grata surpresa, o pessoal que estava aplicando nossa prova pediu para que quando terminássemos a prova, esperássemos do lado de fora, pois eles ja iriam falar se tínhamos passado na prova ou nao :-) Assim que saímos da sala, rapidinho eles já nos chamaram em um cantinho e disseram que tínhamos sido aprovados (ebaaa) e que dentre umas 2-3 semanas receberemos uma carta nos convocando para a cerimônia (ebaa

Vou deixar aqui os simulados que usamos e achamos super úteis:

http://www.citizenshipcounts.ca/quiz

http://www.citizenquiz.com/

Agora é aguardar a cartinha com a data da nossa cerimônia

“God keep our land, glorious and free, O Canada, we stand on guard for thee”… Já temos que ir treinando para cantar o hino e jurar a rainha :-)

Categories: Processo | 5 Comentários

Centros Comunitários

Se tem uma coisa que dá certo aqui no Canadá e ficaria muito feliz em ver isto no Brasil, são centros comunitários com estrutura de primeira. Os centros comunitários de Mississauga são mantidos pela prefeitura e o grande objetivo é proporcionar a população local atividades recreacionais e de bem estar também. Até onde sei, todas as atividades sao pagas pelos participantes/alunos e na sua grande maioria a qualidade do serviço é muito boa. Nao sei falar se o governo tem que subsidiar uma parte do custo de manutenção dos centros comunitários ou se eles são auto suficientes, mas é legal que alguns dos centros são interligados a escolas públicas, o que faz com que os alunos tenham uma ótima estrutura e a comunidade também pode utilizar.

Centros Comunitários em Mississauga

Centros Comunitários em Mississauga

Como vocês podem ver no mapa acima, a cidade inteira está coberta por centros comunitários em todas as regiões. Uma grande parte da populacao, sejam ricos ou pobres, procuram estes centros para aulas de natação, hidroginástica, artes marciais, esportes em geral, academia, etc… Na minha opinião, os valores cobrados são justos (nem caro demais, nem barato demais) e todos tem acesso (pode até ser que se a família nao tiver condições de pagar por alguma atividade, o governo pague por isto).

Temos 2 centros comunitários que ficam a uns 5 minutos da nossa casa e deste Setembro tenho participado de uma liga de voleibol e curtido bastante. É uma ótima oportunidade para conhecer mais pessoas na nossa vizinhança e ainda praticar um esporte que gosto. As ligas de esportes são organizadas de acordo com o nível dos atletas e posso dizer por experiência própria que são bem concorridas. Somente nesta liga que estou, somos 48 adultos participando, divididos em 6 times. Sao 13 semanas de jogos, 3 horas por semana e ainda teremos playoffs no final :-)

Arena dos duelos :-)

Arena dos duelos :-)

Os centros comunitários são também uma grande oportunidade para você não ficar parado durante o inverno inteiro. Dê uma conferida no site, pois são várias classes e opções para todas as idades.

Categories: Coisas que gosto de fazer, Esporte, Mississauga | Deixe o seu comentário

Processo compra casa Canada

É claro que cada um tem uma experiência diferente no processo de compra da casa própria, mas vou relatar como foi o nosso processo de compra da casa aqui no Canada:

- Escolha do corretor: É super importante escolher um corretor que seja de sua confiança, pois sua casa provavelmente será o maior investimento que você fará. Muitos brasileiros optam por ter um corretor brasileiro, para facilitar a compreensão de todos os novos termos e passos no processo da compra. Nós acabamos tendo uma corretora canadense mesmo, pois já trabalhavamos com ela durante estes 4 anos de aluguel e temos uma boa afinidade com ela. Além do mais, ela ja conhecia nosso gosto e o que nos agradaria ou nao (isto pode salvar bastante tempo em ficar visitando casas).

- Pesquisa no MLS: MLS é o sistema de listagem de casas aqui no Canada e é importante fazerem uma pesquisa no MLS para terem uma noção de quanto será a casa do jeito que você está procurando e na região que você deseja morar. Pode ser que você nao tenha condições financeiras para comprar a casa do seus sonhos AINDA :-)

- Solicitando pre-aprovação no banco: Antes de começar as visitas às casas a venda, é importante irem ao banco e solicitarem uma pre-aprovação do financiamento (a não ser que você já tenha todo o dinheiro para comprar a vista). Esta aprovação geralmente é válida de 90 a 120 dias, e ela inclusive garante o % do juros que irá pagar (vale negociar os juros, pois os bancos estão sempre competindo entre si pelos clientes e eles sempre conseguem baixar um pouco o %). Pesquise bem sobre as diferenças e vantagens/desvantagens de cada opção. Você pode inclusive ter um broker que faz toda a pesquisa para você e te ajuda nesta parte financeira. Nós optamos por um banco que não trabalha com brokers externos, mas eles nos ofereceram um % super bom.

- Criando filtro no MLS: Em uma das primeiras conversas com o seu corretor, ele vai fazer uma entrevista com você para saber seu wish list (sua lista de coisas que voce gostaria na casa) e também definir a região que estará procurando. Quando todos os critérios estiverem definidos, todos os dias você receberá um email com todas as casas que se encaixam no seu perfil e caso goste de alguma, é só pedir o seu corretor para marcar uma visita.

- Fazendo uma oferta: Se você foi visitar uma casa e realmente gostou tanto da casa que gostaria de fazer uma proposta/oferta, seu corretor te levará para o escritório dele e ele vai fazer uma pesquisa para te mostrar se o valor que está sendo pedido na casa é correto/justo. Os corretores têm acesso a vários detalhes sobre a compra e venda de todas as casas, com isto verá quando as casas foram vendidas na vizinhança e por quanto foram as transações. Ele inclusive te falará por quanto os atuais donos compraram a casa e há quanto tempo estão no imóvel (vocês poderão talvez até ver fotos antigas da casa dos antigos listings dela). Achei isto super legal, pois te dá mais confiança se está pagando um valor justo. Feita a pesquisa, seu corretor irá preparar a documentaçao para você. Basta você simplesmente assinar :-)

- A oferta foi aceita: Pode ser que tenham algumas idas e vindas de papelada na oferta (aumento ou diminuição de valor, data de posse, clausula…). Normalmente uma das clausulas da compra é dar um valor de depósito em 24/48 horas do fechamento do negócio (este valor será deduzido do seu down-payment (entrada). Aqui em Ontario o mínimo é 5% de entrada para quem está comprando a casa pela primeira vez)

- Fazer inspeção da casa: Uma das cláusulas super importante de ter no contrato é que a compra está condicionada a uma inspeção técnica. Seu corretor te dará todas as dicas e se você não conhecer um profissional de confiança, ele te indicará. No nosso caso, nós fomos juntos no dia da inspeção e o técnico nos mostrou tudo e explicou o funcionamento de tudo e como devemos proceder (no verão liga isto, no inverno desliga isto e liga isto… haja detalhes viu, mas vamos aprendendo). 

- Achando um advogado: Assim como o corretor, procure um advogado de sua confiança (nós pegamos uma indicação de amigos nossos e também nao tivemos problema algum). O advogado é a pessoa que irá cuidar de todas as documentações de transferência do imovel e irá recolher o restante do dinheiro da entrada e te entregará as chaves da sua casa no dia do fechamento do negócio. Ele tambem cuida de toda a comunicação com o advogado dos vendedores e te informa se tem qualquer problema com documentação, seja da casa, do banco ou seguro.

Normalmente entre o dia da compra da casa até o fechamento do negócio, as pessoas pedem 30, 60 ou 90 dias. No nosso caso foram 60 dias. São tantas coisas que pagamos para o advogado (closing costs), que nem vou listar aqui, é só pesquisar na internet que tem todos os detalhes. Seu corretor ou advogado pode listá-los para você também com detalhes. Mas reserve pelo menos uns 2% do valor da casa para os closing costs. Se for a primeira vez que está comprando uma casa no Canada, o governo te dará alguns descontos e beneficios. 

Vou ficar por aqui, pois este post já ficou gigante… Apesar de muitos detalhes, o processo não é complicado não.

home sweet home

Semana abençoada para todos :-)

Categories: Casa, Compras, Processo | 5 Comentários

Quem casa quer casa….

E quem emigra, tambem quer casa :-) Depois de 4 anos de Canada, podemos dizer que somos home owners. Estamos super felizes por termos finalmente comprado nosso cantinho por aqui. Quem tem acompanhado nossas aventuras, sabe quantas mudanças passamos por elas. Foram 5 casas diferentes entre Toronto e Mississauga:

Casa da Dona Flor :-) Chegamos no Canada em uma quinta-feira à noite (17 de Setembro de 2009) e fomos direto para a casa de uma irmã da que passou a ser nossa igreja por aqui. Dona Flor foi um anjo de Deus nas nossas vidas. Alugamos a suite do apartamento dela por 1 mês e meio, até encontrarmos nosso primeiro lugar fixo. 

Apartamento no High Park – Nosso objetivo no começo era economizar o máximo possível até conseguirmos estabilizar por aqui. Então alugamos um apartamento de 1 quarto em um prédio que tem somente apartamentos para alugar (uma coisa bem comum por aqui devido a realidade do país com tantos imigrantes). Queríamos um local que tivesse fácil acesso ao transporte público e o High Park foi perfeito, pois tínhamos 2 estações do metro à menos de 5 minutos de caminhada (foi assim que sobrevivemos 1 ano sem carro por aqui). Além do mais, o High Park tem um dos parques mais bonitos de Toronto e fica pertinho do lago Ontário também (aproveitamos bastante das nossas bicicletas neste período). Ficamos 11 meses neste apartamento.

Apartamento em Etobicoke (Estação da Kipling do metro)  - Quando recebi uma proposta de emprego em Mississauga, resolvemos mudar mais oeste da cidade de Toronto, mas ainda precisávamos ficar em Toronto, pois a Aline ainda dependeria do transporte público de Toronto. Compramos nosso carro e alugamos um apartamento de 2 quartos em um prédio “privado” (alugamos direto com os donos através de nossa corretora) que era a menos de 2 minutos da estação do metro. Também ficamos 11 meses neste apartamento.

Casa geminada (townhouse) em Mississauga – Mais uma vez nos mudamos devido a minha troca de emprego. Recebi a proposta de emprego da BlackBerry, que fica em Cambridge/Waterloo, e com isto tivemos de mudar ainda mais oeste e desta vez nos mudamos para a região da Meadowvale (que eh bem oeste de Mississauga). A townhouse tinha 3 quartos e desta vez tínhamos espaço mais que suficiente para nós e também para as visitas quando viessem. Adoramos a região, pois era bem mais tranquila e próxima a parques, centro comunitário da região e ainda tinha um mini shopping pertinho. Ficamos nesta casa por 13 meses e nos mudamos somente porque o dono da casa a vendeu (aliás quase compramos esta townhouse, só não compramos pois estávamos planejando nos mudar para Cambridge. O que acabou nao acontecendo).

Apartamento no Square One – Como tínhamos que sair da townhouse e a Aline estava trabalhando em Toronto downtown, fomos para a região do Square One em Mississauga. Ótima localização, com tudo que se precisa bem próximo. Voltamos a morar em um apartamento de 2 quartos. Posso dizer que foi complicado caber tudo novamente em um espaço bem menor…rsrsrs

Casa geminada (row house) em Mississauga – E finalmente chegamos a nossa nova casa :-) Como podem ver, acho que estamos especialistas em mudancas….rsrsrs… O grande detalhe é que esta nossa mudança foi feita em tempo recorde. Foram exatas 2 horas para carregar o caminhão no apartamento e descarregar na casa nova. É claro que isto só foi possível devido a grande ajuda de 10 amigos que nos ajudaram demais.

Home sweet Home

Home sweet Home

Vemos a mão de Deus em cada mudança e cada decisão que fizemos… E nosso processo de compra da casa foi tão tranquilo e abençoado, que não podemos reclamar de nada (exceto da grana que se gasta neste processo..rsrsrs). Em um próximo post, vou escrever sobre como foi nossa experiência da compra da casa.

Agora é colocar tudo no seu devido lugar e curtir a nossa home sweet home :-)

Categories: Casa, Compras, Mississauga, Novidades | 7 Comentários

Verão 2013 Parte 3

Um dos passeios mais tradicionais de quem vem conhecer a parte leste do Canadá, é o passeio de barco nas 1000 ilhas, pois é uma ótima opção para quebrar um pouco a viagem entre Toronto e Quebec/Montreal. Já fizemos este passeio umas 3 vezes e acredito que já falei um pouco deles aqui no blog, mas neste verão tivemos a oportunidade de passar o fim de semana em uma das ilhas.

Diversão garantida

Diversão garantida

A região das 1000 ilhas na verdade tem exatas 1864 ilhas espalhadas pela fronteira entre EUA e Canadá. Muito poucas ilhas possuem moradores durante todo o ano, sendo normalmente utilizadas para curtir a temporada de verão. Existem várias opções de passeios de barco que saem principalmente de Kingston ou Gananoque. O Rockport Cruises é uma opção.

A nossa viagem já foi interessante deste nossa chegada, pois tivemos que parar o carro em um estacionamento próximo a uma doca e pegar um barco para chegarmos ao nosso destino. Ficamos em uma ilha que fica bem próxima a costa, então chegar a ilha foi bem rapidinho. As ilhas são bem variadas de tamanho, tipo de casas construídas, mas o mais legal é que são recheadas de histórias super interessantes (se tiver a oportunidade de conversar com uma pessoa local, já já vai ouvir algumas delas). Os donos da ilha que ficamos eram membros da mesma igreja que frequentamos e acabamos nos conhecendo através de casais amigos nossos. Foi bem legal poder fazer passeios de barco pela região sem ser aqueles passeios bem voltados para turistas. Inclusive fomos conhecer o Singer Castle (que não faz parte dos tours tradicionais pela região e tem uma história bem legal). Normalmente os passeios de barco levam os turistas ao Bolt Castle.

Esta é a ilha que ficamos (Twin Islands)

Esta é a ilha que ficamos (Twin Islands)

Infelizmente não sei dizer como é possível alugar uma ilha para passar uma temporada, mas tenho certeza que basta dar uma pesquisada na internet que fica fácil encontrar. Como as ilhas ficam espalhadas por mais de 80 quilômetros no rio Lourenço, o que não deve faltar é opção :-)

Pena que o verão passa tão rápido

Pena que o verão passa tão rápido

Ótima semana para todos…

Categories: Diversão, Viagens | 3 Comentários

Verão 2013 Parte 2

Ontário está estrategicamente localizada na região dos grandes lagos e por isto eles são sempre uma opção de lazer e entretenimento, principalmente no verão. Dos 5 grandes lagos (Superior, Michigan, Huron, Erie e Ontário) já tivemos a oportunidade de conhecer 4 deles. Somente o Lago Superior ainda está na nossa wish list :-)

Grandes Lagos

Grandes Lagos

Neste verão fizemos nossa 2 visita ao lago Huron. Já tínhamos acampado em uma das pontas do lago em Tobermory e desta vez acampamos ao extremo sul do lago no parque provincial de Pinery.  O parque tem 10 kms de praia e realmente temos a ligeira impressão de que estamos no mar (de água doce rsrs). Deem uma olhada nesta foto ai embaixo :

DSC03667

O parque está localizado à umas 2 horas e meia de Mississauga e é de super fácil acesso. Aliás o parque fica bem pertinho da pequena cidade de Grand Bend (não visitamos a cidade, mas ela parece ser bem charmosinha e valeria a pena um passeio. Fica para uma próxima visita).

Vale a pena ir conferir o pôr do sol na praia

Vale a pena ir conferir o pôr do sol na praia

O grande detalhe do parque provincial é que apesar de ser bem grande, as vagas de campings se esgotam bem rapidinho. As reservas para o verão devem ser feitas até no máximo Março, para você garantir um bom camping site no verão. Eles sempre reservam uma certa porcentagem dos campings para as pessoas que chegam na hora e não fazem reserva, mas acaba sendo bem arriscado e pode ser que sua viagem saia um pouco do seu orçamento financeiro. Então se planeje com antecedência.

Deu até para pegar um jacarezinho :-)

Deu até para pegar um jacarezinho :-)

O parque conta com diversas trilhas que podem ser feitas à pé ou de bicicleta, além de uma bela estrutura com restaurante, loja de conveniência, centro ao visitante, loja para aluguel de bicicleta, Kayak, Canoe, etc… Todos os detalhes estão no site do parque, e se você ficou interessado, dá uma conferida lá.

Haja braço para canoagem viu..rsrs

Haja braço para canoagem viu..rsrs

Fica aí mais uma dica para verão.

Boa semana a todos :-) e vamos curtir o verão!!!

Categories: Coisas que gosto de fazer, Diversão, Fotos, Parques, Viagens | Deixe o seu comentário

Verão 2013 Parte 1

Todo ano ficamos cheios de planos para o que iremos fazer no verão, pois é sempre muito curto e queremos aproveitar ao máximo…rsrs. Este ano não está sendo diferente, e apesar do verão ainda não estar dos melhores, chovendo bastante e não tem feito tanto calor, posso dizer que o saldo tem sido bem positivo :-)

Tanto eu como a Aline estamos com poucos dias de férias ainda para aproveitar, então nossa estratégia tem sido viagens mais curtas aqui em Ontário mesmo (e o que não faltam são opções). No decorrer do verão venho aqui postar nossas experiências e deixar as dicas (até agora já foram 3 viagens :-) ).

Nossa primeira viagem este verão foi para comemorar nossos 6 anos de casados. Fomos passar um final de semana romântico na cidade de Collingwood. A cidade fica à uns 130kms de Mississauga e é cheia de atrações.

Ficamos hospedados na Pretty River Valley Country Inn e recomendamos este hotel fazenda se você está buscando um final de semana de descanso sem muito barulho ao redor. Eles oferecem diversos pacotes e nós aproveitamos uma promoção que incluía a hospedagem e nos dava direito a passar um dia no Scandinave Spa (que fica à uns 15 minutos do hotel fazenda). Posso dizer que foi bem relaxante passar o dia inteiro de pernas para o ar no spa e curtindo as diversas atividades disponíveis :-) A Aline já está querendo saber quando voltamos…rsrsrs

Scandinave Spa

Scandinave Spa

Pretty River Valley Country Inn

Pretty River Valley Country Inn

Ficamos o sábado inteiro no spa e no finalzinho da tarde aproveitamos para passear em Blue Mountain (que também está recheada de atividades para todos os gostos e bolsos). E no domingo fomos conhecer a cidade de Collingwood antes de voltarmos para Mississauga.

Collingwood City

Collingwood City

Blue Mountain

Blue Mountain

Fica aí a dica para quem está buscando sair um pouco do agito de Toronto e descansar, nem que seja por somente 2 dias :-)

Categories: Coisas que gosto de fazer, Diversão, Parques, Viagens | 1 Comentário

Fun Facts

De vez em quando, gosto de passar por aqui para compartilhar uns ‘Fun Facts’ (Fatos Engraçados) que acontecem aqui no país da terra gelada.

 
Pois bem, ajuntei alguns que aconteceram nesses últimos meses. Vejam o resultado aí abaixo:

 

1- Li no jornal alguns meses atras que um senhor pegou 6 meses de prisão mais uns dois anos de serviço voluntário a um centro de recuperação de animais. O motivo? Deu uma paulada nums guaxinins que vinham toda noite e reviravam a horta dele. Parece que um dos bichinhos morreu (tadinho…) e pro azar do moço o seu vizinho viu a cena e o denunciou pra sociedade protetora dos animais. Não sou a favor de maus tratos em animais, de jeito nenhum!, mas que foi um certo exagero a punição, isso foi. Ate porque esses bichinhos aqui são uma praga e reviram hortas, jardins e lixos toda noite. Inclusive, quando a gente vai acampar, temos que trancar toda a comida dentro do carro pra esses miseráveis não nos assaltar durante a madrugada. Atrevidos demais! Mas fiquei com dó dos ladroeszinhos noturnos… E do moço também…rs!

Raccoon

2- Há alguns meses o prefeito de Toronto foi temporariamente afastado do cargo por ser achado culpado em abuso de poder. Ele estava usando o escritório dele na prefeitura para se reunir com uma ong que ele apoia… Isso deu um bafafa de muitos meses, mas a justiça não o condenou e ele retornou para seu cargo. Ah! se esse fossem os problemas dos políticos no Brasil…!!!

 

3- Ontem participamos de uma programação que aconteceu aqui na praca de frente a nossa casa. O nome era Trillium Scotiabank Bed Race (Corrida da cama). O Hospital Trillium convidou seus parceiros para montarem uma ‘cama’ em cima de duas bicicletas, enfeitarem o carro e participarem de uma corrida para arrecadarem fundos para o hospital que cuida da maioria dos idosos da região. Parece bobo, mas foi bem interessante e simples, o que me atrai muito. Ainda teve participação de alguns restaurantes da região os quais ofereceram comida e bebida ou de graça ou por um preço de contribuição apenas. No fim das contas, eu e o Cris que tinhamos saído pela manhã apenas para uma caminhada no bairro, acabamos almoçando por lá e tendo uma tarde bem agradável.

 

elevator

4- Já se completaram dois meses que estamos funcionando com apenas dois elevadores no nosso prédio de 36 andares. No total, são quatro elevadores, mas apenas dois estão funcionando e ontem apenas um!! O motivo? O pessoal de manutenção de elevadores em toda região esta de greve… Você já ouviu falar disso?? Eu também nunca tinha ouvido falar. Um pequeno detalhe: moramos no 31 andar = sem chance de usar as escadas….

 

5- Não poderia deixar de comentar aqui também sobre como eles amam meus sapatos…rsrs. Parece piada ou exagero mas ganho elogios literalmente todos os dias sobre meus calçados, de sandálias rasteirinhas da feirinha à sapatos de grife. Ja por umas duas vezes a mulhereda me para na rua e pergunta: Onde você comprou esses sapatos? E elas ficam frustradas quando digo onde foi. Claro que a maioria dos meus calcados são do meu amado país Brasil :) Toda vez que temos a oportunidade de visitar nossos queridos, aproveito a chance de renovar meu armário de sapatos. Outro dia eu estava numa loja aqui experimentando uma sandália e a moca pegou a minha sandália (a minha mesmo, usada, que a minha irmã me deu) e queria colocar no pé acha do que era da loja. Passei a mão rapidinho e disse: Nananinanão. Essa já tem dona. So comigo que acontece uma coisa dessas. Te falo uma coisa, sapato bom, bonito, confortável e digamos, pagável, você só encontra na terra do Carnaval e do Futebol. O Cris fica invocado com minhas comprinhas, mas mal sabe ele que ele está na verdade é economizando. Comprando sapatos aqui eu ficaria menos estilosa :) e iria reclamar até porque muitos machucam os pés e aí o que iria acontecer?!? Eu teria que comprar sapatos novos!! (Sem contar que compro em reais, ou seja, 2 reais = 1 dólar).sapatos

 

 

 

Depois passo aqui de novo pra contar mais peripécias do nosso quotidiano e dos habitantes das Terras do Norte.

Categories: Diversão, Eventos, Mississauga | 2 Comentários

Celebration Square – Mississauga

Com o verão batendo nas nossas portas aqui no Canadá, começa a temporada de festivais, concertos e atividades ao ar livre. Ninguém mais aguenta ficar dentro de casa e as ruas tem ficado bem cheias de pessoas felizes e sorridentes :-)

Aqui em Mississauga não é diferente. Bem em frente a prefeitura da cidade fica a Celebration Square, que é um espaço aberto que promove diversas atrações e fica lotado nesta época do ano. As atrações vão deste sessão de cinema, concertos, apresentações teatrais, festivais culturais, ginástica, além de uma grande fonte onde as crianças aproveitam o calor e brincam na água.

Este ano queremos estar bem presentes nas atividades, até porque moramos bem em frente à praça, então não podemos perder nada. O legal é que vemos o pessoal do nosso apartamento e já dá para ter uma noção de como as coisas estão e qual melhor horário para dar um pulinho até lá. Foi assim semana passada com os playoffs da Stanley Cup, levei o papai para acompanhar o jogo do Maple Leafs (que infelizmente perderam :-( e estão fora da competição)

É só levar sua cadeira e curtir...

É só levar sua cadeira e curtir…

São dois telões e uma área gramada onde podemos ficar no chão ou levar nossa própria cadeira.

Vista do nosso apto da Celebration Square

Vista do nosso apto da Celebration Square

Na próxima quinta-feira  dia 23/05 começam as sessões de cinema que vão até dia 20 de Setembro. Todas as quintas-feiras às 8pm é somente levar sua cadeira, pipoca e bebida e curtir um filmezinho ao ar livre gratuitamente. Este ano eles resolveram abrir a temporada com um filme clássico que tem tudo a ver com esta época do ano: The Sandlot (Se Brincar o Bicho Morde).

Para saber de todas as programações basta acessar o site da Celebration Square, e conferir a lista completa de todos os filmes e atividades.

Boa semana a todos e vamos curtir o calor :-)

Categories: Cinema, Coisas que gosto de fazer, Diversos, Eventos, Mississauga, Parques | Deixe o seu comentário

Ufa!

ufaGente, eu tô enganada ou os dias estão passando muito rápido?!?

Sério mesmo, estou fazendo uma reavaliação das minhas atividades diárias e aquilo que pretendo fazer e quando vejo não tenho tempo nem pra fazer a reavalição..kkk!

Estou muito feliz com tudo que temos conquistado e sabemos que isso é poder divino, que por nossas forças não estaríamos aqui, mas preciso desabafar/compartilhar/perguntar.

Às vezes me pego pensando em adicionar mais uma tarefa pra mim, coisas simples, tais como, fazer um prato novo ou terminar de ler um dos livros que comecei, e quando percebo, não consigo chegar nem perto do que planejei. Falta de gestão de tempo?! Talvez, mas acho que não é só isso. Acho que no tempo dos meus pais as coisas eram diferentes. A pressão era menor. Hoje em dia a gente tem que estar por dentro de todos os assuntos; tenho que saber notícias daqui, do Brasil e do mundo, conectar-me com os amigos no Facebook (abrindo um parentêses: Facebook tá ficando bem ‘ruizinho’ – o povo não sabe usa-lo, mas isso é outro assunto), aprender novas línguas, ler livros e mais livros, aprender a usar todas as redes sociais e novos aparelhos do mercado, ir ao cinema e ter uma opinião formada sobre o filme que assistiu, trabalhar fora e dentro de casa, cozinhar pratos saudáveis, fazer ginástica ou qualquer outra atividade física, pintar cabelo, fazer unha, conhecer os melhores restaurantes da cidade e viajar pra colecionar destinos na sua lista. Ai… cansei só de escrever… E olha que nem filhos eu tenho ainda!!

Hoje em dia, ir ao cinema, ler um livro ou viajar não são atividades meramente para distrair. A sociedade cobra uma posição, sua visão, o que achou. Às vezes vou ao cinema só pra passear, ficar de mãos dadas com o Cris, ou dar risadas de uma cena engraçada, aí quando comento com alguém que assisti tal filme, tenho que fazer uma reflexão, achar a moral da história. Eu gosto muito de viajar e descobrir os cantinhos de cada cidade e viagem pra mim é conhecer as delícias que aquele lugar tem pra oferecer e muitas vezes esses lugares estão fora dos roteiros turísticos famosos.

Certo é que na próxima semana estaremos off; só por uns dias, mas será uma semana muito gostosa, curtindo os últimos preparativos do casório do Dé e Maria Paula. Mal posso esperar… Mas enquanto a sexta-feira da próxima semana não chega, vamos trabalhar! Tudo aqui tem que estar caminhando enquanto eu estiver no meu querido país.

P.S. Comecei a escrever esse post a tanto tempo e ficou na pasta de rascunho por mais de um mês!! Prova que tô correndo mesmo…

Categories: Sentimentos | Deixe o seu comentário

Reflexões…

Este mês o blog está fazendo 5 anos de vida e no final de semana passado tirei umas 2 horas para ler o blog desde quando comecei a escrever aqui. E quantas mudanças e aventuras neste tempo viu…

Como tudo na vida, nosso processo de imigração teve seus momentos altos e baixos, mas sempre estivemos certos da nossa decisão e do que estávamos buscando.

Um dos maiores aprendizados neste processo foi aprender a se readaptar a situações inesperadas e novas. Foram vários momentos de dúvidas e situações que nos requeria grandes decisões.

Deus tem nos guardado nesta terra de estrangeiros e nos honrado em meio a muitos desafios. Cada vez mais temos criado raizes por aqui e nos sentido em casa.

Como compartilhei aqui no blog há um tempo atrás, nós enviamos no inicio deste ano a nossa aplicação para a cidadania canadense e há umas semanas atrás recebemos a confirmação de que eles receberem nossos documentos e que eles estão sendo analisados. Com o material, enviaram o livro abaixo para irmos estudando, pois uma parte do processo requer fazer uma prova sobre conhecimento geral do país.

Discover Canada :-)

Discover Canada :-)

Então agora é estudar bastante e esperar para sermos chamados para a entrevista e prova.

Depois passamos mais aqui para postar notícias do nosso hospede e estudante :-)

Boa semana para todos!

Categories: Processo, Retrospectiva, Sentimentos | 2 Comentários

Blog em WordPress.com. The Adventure Journal Theme.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 316 outros seguidores